Vote consciente! Não eleja traidores do povo

1 de outubro de 2018 11:09 pm Publicado por

Escolha candidatos compromissados com os interesses da classe trabalhadora.

As eleições 2018 se aproximam. No domingo, dia 07 de outubro, os cidadãos brasileiros comparecerão às urnas para votar nos candidatos a deputado federal, deputado estadual, dois senadores e presidente da República.

 

Neste momento, cabe um alerta muito importante: apenas o voto popular pode pôr fim à crise política e ao golpe em andamento no país. Desde que a presidente Dilma Rousseff sofreu um impeachment sem ter praticado nenhum crime, a sociedade, em especial os trabalhadores, tem convivido com retirada de direitos, congelamento dos investimentos em educação e saúde públicas, desemprego, arrocho salarial, aumento dos preços e corrupção desenfreada. Diziam que se tirasse a Dilma iria melhorar, e muitos acreditaram, mas o resultado foi esse aí.

 

O pior é que muita gente parece estar caindo novamente na mentira ao apoiar quem quer a retirada de outros direitos, como o 13º salário e adicional de férias, e ainda por cima prega o ódio aos negros, homossexuais e pobres. Não entre nessa! Agora é uma nova oportunidade para votar com consciência e eleger quem defende o que realmente nos interessa, que é a retomada do desenvolvimento econômico, a geração de emprego e a justiça social.

 

Também é importante destacar que tem muito lobo em pele de cordeiro nesta campanha eleitoral. Políticos que traíram os trabalhadores ao longo do último mandato vêm na maior cara de pau pedir novamente o voto do povo. Os deputados federais do Paraná que aprovaram a reforma trabalhista de Michel Temer (20 dos 30 representantes do estado na Câmara Federal) e os deputados estaduais que foram votar de camburão a favor do projeto do então governador Beto Richa (PSDB) que saqueou a poupança da previdência dos servidores públicos não devem, de forma alguma, ser reeleitos.

 

Abaixo listamos os políticos que NÃO merecem receber os votos dos trabalhadores:

 

Deputados federais do Paraná que votaram a favor da reforma trabalhista:

Alex Canziani (PTB)

Alfredo Kaefer (PSL)

Dilceu Sperafico (PP)

Edmar Arruda (PSD)

Evandro Roman (PSD)

Giacobo (PR)

João Arruda (PMDB)

Leandre (PV)

Luiz Carlos Hauly (PSDB)

Luiz Nishimori (PR)

Nelson Meurer (PP)

Nelson Padovani (PSDB)

Osmar Bertoldi (DEM)

Reinhold Stephanes (PSD)

Rocha Loures (PMDB)

Rubens Bueno (PPS)

Sandro Alex (PSD)

Sergio Souza (PMDB)

Takayama (PSC)

Toninho Wandscheer (PROS)

 

Deputados estaduais da bancada do camburão:

Alexandre Curi (PMDB)
Alexandre Guimarães (PSC)
André Bueno (PDT)
Artagão Jr. (PMDB)
Bernardo Ribas Carli (PSDB)
Claudia Pereira (PSC)
Cobra Repórter (PSC)
Cristina Silvestri (PPS)
Dr. Batista (PMN)
Elio Rusch (DEM)
Evandro Jr. (PSDB)
Felipe Francischini (SD)
Fernando Scanavaca (PDT)
Francisco Bührer (PSDB)
Guto Silva (PSC)
Hussein Bakri (PSC)
Jonas Guimarães (PMDB)
Luiz Carlos Martins (PP)
Luiz Claudio Romanelli (PMDB)
Marcio Nunes (PSC)
Maria Victoria (PP)
Mauro Moraes (PSDB)
Missionário Ricardo Arruda (PSC)
Nelson Justus (DEM)
Paulo Litro (PSDB)
Pedro Lupion (DEM)
Plauto Miró (DEM)
Schiavinato (PP)
Tiago Amaral (PSB)
Tião Medeiros (PTB)
Wilmar Reichembach (PSC).

 

Vote consciente! Peão não vota em patrão!

Tag: , , ,

Categorizados em: ,

Este artigo foi escrito porSintraconCuritiba

Comentários estão fechados.